Publicado por: unknown | março 6, 2012

Rio de Janeiro – Bar Bico

Nome do recinto – Bar Bico

Endereço – Av. Nossa Senhora de Copacabana, esquina com Francisco Sá / Copacabana

CRÍTICA – por Máximo Poder Terceiro

Podem até falar que uma o Rio é a Cidade Maravilhosa, que tem o Cristo, o Pão de Açúcar, Ipanema, Floresta da Tijuca…podem falar o que for, mas a grande maravilha do Rio é não ter a Lei do Psiu. Mermão, Bar Bico, 24 horas aberto, estalado para as estrelas, servindo chopp gelado e de palco para disputados jogos de palitinho.

Crosta

Olha, vou ser sincero. A primeira parte da coxinha do parceiro é difícil de superar. A crosta, contra todas as expectativas é farelenta. Não sei se é falta de óleo velho, se é óleo muito velho, se é a maresia ou se a farinha usada é outra, mas foi uma experiência esquisita.

Massa

Espessa que nem mar com vazamento de óleo. Ainda bem que o chopp gelado ajudou a empurrar pra baixo. Não é assim que eu conseguiria fazer um nhoque para uma família só com a massa, mas quase.

Recheio

Bem feito, mas nada demais. Desfiadinho, não muito seco, colorido atraente e apetitoso. Só espero que o ossinho da sorte não venha toda vez.

Tempero

Pô, gol de bico também é gol. Levantando a honra da coxinha 24 horas, que precisa ficar ali na vitrine, até os 48 do segundo tempo, para só daí alguém mandar para dentro, o tempero daqui aposta no básico, mas acerta direitinho. Muita salsinha para rebater o coloral e a ressaca.

Avaliação geral – 4,5

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: